terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Ajustes de cotas do terreno


Com aurbanização e as sucassivas reformas das vias próximas da praça, o terreno em torno da Capela foi sendo aterrado chegando a cobrir até 60 cm da base das paredes externas.
Com os dados coletados na arqueologia, sondagens e pesquisa histórica, pode-se comparar as cotas existentes no terreno em 1938 e executada a remoção de todo o aterro, restabelecebdo as cotas originais.

Tal benefício se somou a reforma da Praça Pe. Aleixo Monteiro Mafra, também executada pela empresa Concrejato, que retirou interferências visuais e de usos nocivos à Capela valorizando o monumento.

É desta ação que resulta o novo adro, restabelecendo a amplitude que lhe é digna e possibilitando perceber a condição geográfica de destaque da contrução, principalmente em relção ao rio Tietê, aspecto importante de sua história.
Alessandro Pompei


Nenhum comentário: